Buscar
  • Besouro da Silva

Tudo o que o empreendedor precisa saber para montar uma planilha de custos

O contador Dioni Alves foi convidado pela coordenadora da Besouro Mara Rayane para ensinar a criar e gerenciar uma boa planilha de custos. Essa ferramenta é essencial para a organização financeira de qualquer negócio e ela influencia muito nos resultados. Aproveite essas dicas fantásticas e seja um verdadeiro maestro das suas finanças.



Por que eu devo ter um bom controle financeiro?

Muitos empreendedores começam os seus negócios sem experiência nenhuma em gestão, sem uma boa organização financeira e isso, de acordo com Dioni, vai impactar negativamente nos resultados. “Você pode fazer investimentos que não eram necessários, cometendo erros por não ter planejado bem o início, por isso é importante ter um bom plano de negócios”, explica o contador. O seu risco de quebrar nos primeiros anos reduzirá drasticamente, se você fizer a coisa certa.

Como montar a planilha?

É importante que cada despesa e receita sejam registradas com a data, a especificação se o valor trata-se de uma entrada ou saída e uma breve descrição. Por exemplo, você deve criar em sua planilha duas grandes seções, despesa e receita. Aí, dentro de cada uma, insira subdivisões para discriminar os seus gastos.

Imagine que você trabalha com delivery. Então, você terá em sua planilha a divisão chamada Despesas, uma subdivisão chamada Entregas, para incluir esses gastos e outras divisões ainda menores para discriminar os custos de alimentação, gasolina e tudo o que for relativo às despesas com entregas. A mesma coisa você faria com as despesas de produção, insumos, gás e tudo o que você precisar investir para que o negócio funcione, de acordo com o exemplo de Dioni.

O importante, após criar a planilha, é alimentá-la todos os dias com disciplina. Lembre-se que isso será determinante para o sucesso do seu negócio no médio e longo prazo.

Na sua coluna de entradas, você deve começar com um saldo inicial e subtrair ou adicionar valores, conforme as vendas, ou despesas forem ocorrendo. Assim, você terá um controle preciso do seu saldo atual, o que é determinante para a organização do seu caixa. Se você fizer isso todos os dias, no final do mês você terá o seu controle de caixa mensal pronto e organizado.

Qual ferramenta usar?

O controle não precisa ser feito, necessariamente, em planilhas do Excel. Existem sistemas financeiros gratuitos nos quais você pode fazer o seu controle. A dica do contador é o sistema Marketup que você pode acessar através do site: https://marketup.com/

Com essa plataforma, você conseguirá fazer toda a organização da sua empresa de forma gratuita. Através dos índices e gráficos gerados, você vai conseguir mensurar o que está acontecendo com o seu negócio, ainda que não entenda muito de finanças.

Separe despesas pessoais das despesas da sua empresa

Será que dívida do cartão de crédito entra na seção de despesas da planilha de controle? Depende. Primeiro você deve separar bem o que são despesas pessoais e o que são custos da sua empresa. “Se você não está separando, pelo amor de Deus, comece a fazer isso HOJE”, aconselha Dioni. Porque se você não faz isso, não irá muito longe, de acordo com o contador.

Com essas dicas, vai me dizer que você não vai melhorar muito a sua organização financeira a partir de agora? Fique ligado nas próximas dicas, que traremos aqui no blog, com os resumos das lives do BESOUREX, o núcleo de ex-alunos da Besouro.

55 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
Wpp2.png