Buscar
  • Besouro da Silva

Arquitetura e saúde: Karol busca levar maior qualidade de vida à comunidade onde cresceu


A ideia para começar um novo negócio surgiu quando Karol Almeida percebeu que, na faculdade em que cursava, não via a sua casa, seu bairro, ou a sua realidade refletida. Ela notou que somente a elite social tinha acesso à arquitetura, no entanto, muita gente que precisava nunca sequer pensou em contratar uma arquiteta, por ser algo distante da realidade da comunidade da Restinga, bairro de Porto Alegre onde Karol reside.


Foi com isso em mente, buscando transformar essa situação, que a jovem estudante, agora empreendedora, criou a Kopa Coletiva Arquitetura Popular, empresa que visa levar arquitetura para todos, assim desmitificando a ideia de que a arquitetura é só para quem tem um padrão alto de vida, para quem tem dinheiro. "A arquitetura nasce, da necessidade de cada indivíduo e situação, à medida que é um direito de todos!", reflete. Para a Kopa, a arquitetura vai além de uma poltrona icônica em uma sala de estar, mas sim, entrar em todas as casas, edifícios e cidades, para promover moradia digna e melhoria habitacional, coletivamente.


A capacitação Empreende POA chegou em um bom momento na vida de Karol, conferindo-a a visão administradora necessária para fazer o seu negócio seguir firme adiante. "O curso me ajudou a desenhar e visualizar com mais clareza os passos que vão ficando para trás, em razão de ter que fazer tudo ao mesmo tempo", relata. Para ela, o principal é a possibilidade de gerar empregos, impactando o território em que ela nasceu, cresceu e ainda reside.


A empreendedora planeja continuar desenvolvendo a sua empresa, de maneira a crescer e poder contratar mais pessoas, gerando emprego e renda. O seu sonho é que todos tenham uma casa digna pra viver, que a arquitetura chegue a todas as camadas sociais. "Espero que as pessoas se conscientizem que arquitetura é, sobretudo, saúde", diz. Afinal, ao cuidarmos do nosso entorno, de onde moramos, estamos cuidando dos nossos corpos e da nossa qualidade de vida. Com essa visão, a Kopa já se tornou um negócio de sucesso.




Empreendedora: Karol Almeida

Nome do negócio: Kopa Coletiva Arquitetura Popular

Idade: 27 anos

Localidade: Porto Alegre - RS

Tempo de atuação: 1 ano e 5 meses

Redes sociais: @kopacoletiva.arq

Expectativas: Impactar o território, transformando a realidade da sua comunidade

17 visualizações0 comentário
Wpp2.png